Fale Connosco

Os nossos especialistas entrarão em contato para fornecer mais informações.
Use o formulário a seguir para solicitações, sugestões ou para nos enviar seus comentários.

Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório)

Assunto

Mensagem

Clique para aceitar e enviar formulário

Autorizo expressamente o tratamento destes dados pessoais para efeitos de contato, para efeitos de prestação dos serviços ou para efeitos de comunicação dos produtos e serviços da Tradecorp, de acordo com os termos e condições da Política de Proteção de Dados e de Privacidade que se encontram disponíveis em www.tradecorp.pt. Tenho consciência de que posso exercer os meus direitos de proteção de dados, nomeadamente os direitos de informação, acesso, consulta, retificação, oposição ao tratamento ou apagamento, dentro do horário normal de funcionamento, através de contacto com o Gabinete da Proteção de Dados pelo correio eletrónico protecaodedados@ascenza.com

Contatos

Tradecorp - Portugal

  • TRADECORP – Portugal
    Alameda dos Oceanos, lote 1.06.1.1 – 2º
    1990-207 Lisboa
    Portugal
  • +351 213 222 716

Country Director
Luís Silva


Country Manager
João Pinto


Crop Nutrition & Marketing Specialist
María Emilia Paliza Cuartero

De norte a sul do país: três dias de campo em diversas culturas, numa constante troca de conhecimentos.

Nos passados dias 25, 26 e 27 de julho a equipa da Tradecorp Portugal visitou os campos de demostração e ensaios instalados em 2022. Desde Felgueiras até o Alentejo, diversas explorações de produtores, clientes e parceiros abriram as portas à equipa para analisar os resultados já existentes das estratégias de nutrição adotadas em cada uma das quintas. As culturas foco das discussões técnicas foram o kiwi, vinha, maçã, pêra, tomate indústria, olival e abacate.

Com uma agenda exaustiva, a equipa da Tradecorp Portugal realizou em três dias consecutivos, dez visitas às diferentes culturas em explorações situadas em distintas regiões do país.

O percurso começou em Felgueiras, distrito do Porto, onde a empresa tem parceria com produtores de kiwi e vinha para a realização de campos de demostração das estratégias de nutrição recomendadas.

Seguiu depois para Anadia com a visita a uma vinha e ainda para o Bombarral onde se localizam os campos de pêra e maçã.

Foi já em Benavente que analisou o campo de ensaio em tomate indústria.

O último dia foi passado no sul de Portugal, começando em Monforte e de seguida Vidigueira locais onde estão instalados os campos de ensaio e demonstração em olival.

A última paragem foi em Tavira para acompanhar um campo de ensaio na cultura do abacate.

Na maioria dos casos, os objetivos e resultados previstos são já visualmente notórios (apesar de em alguns casos a cultura ainda não estar próxima da colheita), como é o exemplo dos campos de kiwi, pêra, maçã e abacate.

Relativamente ao campo de kiwi, trata-se de um pomar com resultados visivelmente diferenciados entre a parcela tratada e a testemunha no que diz respeito à carga de fruta nas plantas e aos calibres, muito superior na área da estratégia Tradecorp. A colheita dos kiwis perspetiva-se para o mês de outubro. Ainda na fase de maturação procura-se continuar com a aplicação de potássio, magnésio e micronutrientes, nutrientes envolvidos em muitos processos com influência direta na síntese de açúcares e a coloração dos frutos. Por outro lado, apostou-se também na bioestimulação através de aminoácidos livres e matéria orgânica, que, pelos seus efeitos no metabolismo das plantas, favorecem ao aumento do calibre, coloração e teor em açúcar.

Campo de demonstração Kiwi.

Campo de demonstração Kiwi. Local: Fervença, Felgueiras. Variedade: Hayward. Área tratada 1 ha.
Ano de plantação 2004.

Quanto aos campos de pêra e maçã, os pomares encontram-se no início da maturação. Nesta fase a estratégia de nutrição passa por continuar a promover uma boa qualidade dos frutos, sobretudo ao nível da sua consistência e dureza o que aumenta o poder de conservação dos mesmos. É fundamental continuar com aplicações de cálcio na medida em que este nutriente faz parte da estrutura das paredes celulares conferindo-lhes rigidez e firmeza. Por outro lado, procurou-se favorecer a síntese e o transporte de açúcares para os frutos, através da aplicação de potássio, macronutriente que também está envolvido na coloração dos frutos. 
A previsão de colheita das maçãs será a partir do dia 20 de agosto, sendo que estas já apresentam boa coloração e calibres já de 70 mm.

Campo de demonstração de maçâ

Campo de demonstração de maçâ. Local: Bombarral, Leiria. Variedade: Gala. Área tratada 3 ha.
Ano de plantação 2015.

Em relação ao campo demonstrativo das pêras, prevê-se um ano de produção média, destacando-se assim um bom crescimento dos frutos conferindo-lhes bons calibres. A colheita esta programada para a terceira semana de agosto.

Campo de demonstração de pêra.

Campo de demonstração de pêra. Local: Cadaval, Lisboa. Variedade: Pêra-Rocha. Área tratada 3,5 ha.
Ano de plantação 2012.

Por fim, a última visita foi em Tavira, ao campo de ensaio do condicionador do solo Transformer® na cultura do abacate. É nesta exploração que se esta a levar a cabo um pormenorizado estudo dos diversos benefícios que este produto tem, entre os quais destacam-se a retenção e distribuição de água nas camadas superiores do perfil do solo, de forma que fique mais facilmente disponível para a planta em vez de se perder por escorrimento ou percolação (solos ligeiros).

Num contexto onde a gestão da água é, cada vez mais, uma necessidade face à sua escassez, distribuição e disponibilidade irregular, para além do custo elevado, fundamental gerir os recursos de forma racional, de modo a responder às exigências hídricas das culturas e, simultaneamente, a todas as questões relacionadas com a sustentabilidade produtiva e ambiental.

Campo de ensaio na cultura do abacate.

Campo de ensaio na cultura do abacate. Local: Tavira, Algarve. Variedade: Hass. Área tratada 1,16 ha.
Ano de plantação 2020.